Como o detetive particular atua no crime cibernético?

Como o detetive particular atua no crime cibernético?

Também chamado de cibercrime, o crime cibernético é um termo que diz respeito às atividades ilícitas praticadas por meio da internet. É o caso, por exemplo, da invasão de sistemas empresariais, roubo de informações confidenciais, falsidade ideológica, uso de softwares espiões, invasões de webcam, assédio, difamação e até mesmo bullying online.

Quem sofre um crime cibernético certamente fica desnorteado com a situação, além de ser acometido por uma série de dúvidas a respeito da melhor forma de agir para recuperar os danos sofridos e denunciar o problema. Além disso, há um grande estresse relacionado ao problema — pode envolver significativo dano psicológico, material e até mesmo à imagem pessoal. Por isso, se envolver diretamente na investigação pode não ser uma boa ideia.

Neste contexto, contar com um detetive particular pode ser a solução mais adequada para quem suspeita de um crime virtual. Isso porque este profissional tem recursos e conhecimentos técnicos específicos que permitem encontrar os responsáveis pela transgressão, recuperar contas furtadas, juntar provas para um possível processo judicial, assim como preparando e ajudando o cliente a evitar ser vítima novamente.

A partir de técnicas específicas que fazem parte da base de conhecimentos do detetive particular, é possível elucidar seguramente casos de crime cibernético como:

Clonagem de cartão de crédito

Invasões de privacidade

Uso inadequado de fotos particulares

Contas e senhas roubadas

Vendas falsas ou promoções inexistentes

Roubo de dados de cartão de crédito

Invasão de contas em redes sociais

Instalação de vírus e softwares espiões

Bullying online

Para que a investigação do crime cibernético tenha sucesso, entretanto, cabe ao cliente informar ao detetive particular todas as informações possíveis a respeito da intercorrência a ser investigada. Pode ser necessário, portanto, compartilhar seu histórico de internet, a data em que foi notada alguma ocorrência suspeita ou qualquer detalhe que possa ajudar no processo.

 

Fonte: Daniele Martins