O que não fazer ao contratar um detetive particular?

O que não fazer ao contratar um detetive particular?

É importante que, após a contratação de um investigador particular, o cliente pergunte ao profissional sobre como se comportar, e também respeite fielmente as condições impostas pelo investigador, evitando o risco de todo o caso ficar exposto ao descuido e acabar com as chances de sucesso da investigação.

Mesmo que possa parecer tentador, o cliente não deve participar da investigação com um investigador particular. Essa dica é importante porque durante um caso o profissional realiza diversas práticas aprendidas ao longo de anos de experiência para evitar a detecção do investigado, uma pessoa sem experiência pode colocar tudo a perder.

Por exemplo, se um cliente decidir seguir uma pessoa sem o consentimento do detetive, compromete a confidencialidade da investigação e pode levantar quaisquer suspeitas e fazer com que o investigado mude seus hábitos diários, impedindo-o de encontrar pistas.

Outro fator complicador é que, se for confirmado que o sujeito está traindo ou com uma atitude errada, o cliente terá uma resposta premeditada que impedirá a coleta apropriada de evidências que podem ser mais seguras para explicar o caso!

NÃO HÁ CASO DIFÍCIL DEMAIS

Podem haver casos complicados, mas nenhum impossível. Um detetive pode te ajudar através de uma investigação completa para descobrir se o seu parceiro ou parceira está te traindo ou se seu funcionário está te furtando, por exemplo. Esse profissional também poderá investigar e coletar evidências se houverem encontros presenciais, contatos por meio do celular e muito mais.

Detetive Melo é uma agência de detetives particulares com rica experiência. Entre em contato conosco!

 

Fonte: Elite Detetives